Mania do Crochê

Certos hobbies se tornam muito mais do que um meio para a distração ou algo com que ocupar o tempo livre: alguns se tornam verdadeiras manias, difíceis de parar e que consomem tempo.

Nem sempre essas manias são prejudiciais no entanto, e algumas delas podem ajudar e melhorar a qualidade de vida em diversos sentidos. Uma dessas manias é a mania de fazer crochê. Quem já não viu alguém que consegue fazer absolutamente tudo sem largar a agulha e a linha? Conversar, assistir televisão, até mesmo ler e comer, o tempo todo ainda fazendo seu crochê. A tarefa não é fácil, mas com a prática de anos adquire-se uma habilidade inigualável para a execução de mais de uma tarefa ao mesmo tempo.

Fazer

Os benefícios dessa “mania” são muitos: não só é algo para se distrair, como também serve como terapia ocupacional. Além disso, estudos comprovam que a execução de alguma atividade que envolva concentração evita os riscos de se desenvolver doenças graves, como Mal de Alzheimer ou Parkinson, além de ser um bom exercício de memória, coordenação motora e habilidade.

Além de todos os benefícios para saúde, o crochê ainda pode ajudar as pessoas que o praticam como uma fonte de renda: tanto para venda de peças feitas para lojas, como a fabricação de crochê por encomenda, aceitando pedidos especiais, em que linhas são fornecidas, e tudo que se cobra é a mão de obra – quanto melhor executado o trabalho, e mais fina e difícil de trabalhar é a linha, mais se pode cobrar pela execução.

Peças

Não apenas isso, como a execução de crochê tambem estimula a criatividade daqueles que o fazem: é possível criar padrões, modificar aqueles já existentes e inventar ecas completamente novas, feitas especialmente pela pessoa que as desenvolveu, garantindo um artesanato completamente exclusivo, executado por pessoas que têm experiência e sabem executá-lo bem.

O hábito de fazer crochê também previne outras doenças físicas, como por exemplo, o reumatismo, por manter as mãos em movimento, afasta os riscos de depressão e melhora a estimativa de vida de seus praticantes.

Ao contrario do que se pensa, não são apenas as pessoas de idade avançada que fazem crochê: uma habilidade delicada e que exige dedicação, a ser aprendida por pessoas de todas as idades, que tenham vontade de desenvolver um hobby saudável, que além de servir como válvula de escape para o stress do dia a dia, também pode virar uma nova fonte de renda.

Lucro

Para os entusiastas do crochê, existem diversas revistas e sites com receitas de peças novas, de peças de roupa a artigos de decoração, que podem ser explorados e revisitados, criando peças cada vez mais bonitas e exclusivas.

Um comentário

  1. gosto muito de artesanato achei maravilhoso suas peças.Gostaria de saber se tem apostilhas pra vender

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>