Técnicas Para Envelhecer Papel

O uso de papel comum em determinados trabalho não os engrandece, por isso, muitas pessoas optam por criar um papel envelhecido, para trazer maior veracidade e sentimento ao escrito. Visto que, folhas amareladas transparecem ter muito mais história do que aquelas branquinhas.

Quem quer envelhecer o papel branco e moderno em casa mesmo não precisa de técnicas aprimoradas e nem de materiais diferenciados e muitos menos produtos especiais. É possível, com grande facilidade, dar a um pedaço de papel simples a semelhança de um velho pergaminho usando algumas dicas especiais e um tingimento artesanal que está a nosso alcance em quase todos os momentos.

Envelhecendo o Papel

Buscar o envelhecimento de folhas de papel é uma prática bastante artesanal e antiga que proporciona um efeito apaixonante e bonito. Em determinados casos, para causar uma diferente aparência ao papel, a única possibilidade é envelhecê-lo. São variadas as técnicas empregadas no envelhecimento do papel, e todas elas são bastante simples de serem executadas.

O papel, depois de envelhecido pode ser utilizado em decorações feitas com o mesmo, servem como papel de carta, convite de casamento, aniversário, batizado, ou ainda de festas em geral. Outra possibilidade é a de se fazer pintura em aquarela, que além de alegre, fica também muito bonita, servindo para mensagens, cartões, enfim inúmeras as possibilidades que se pode utilizar o papel envelhecido.

Além das ideias que propusemos, o papel também pode ser usado como revestimento de caixas de MDF, usadas com muita frequência em peças de artesanatos, e scrapdecor, e muitos outros.

Técnicas Para Envelhecer o Papel

Para conseguir que o papel fique com aspecto envelhecido podemos usar diversas coisas, dentre elas estão o chá forte, que pode ser preto, mate ou chá de flores e frutas, pó de café usado, café solúvel, betume e ainda café forte.

Como Envelhecer o Papel – Passo a Passo

Envelhecendo o Papel Com Café Solúvel

Para começar faça uma mistura de água quente e café solúvel, assegurando que o mesmo fique bem concentrado e bem forte, sem adicionar açúcar e aguarde até que o líquido esfrie. Usando um pincel de pintura de tecido, só que com o formato chato, passe o café, já pronto e frio, diretamente sobre o papel escolhido, ou ainda em folhas de livros, revistas, enfim, no papel que tencionar envelhecer e aguarde a secagem natural.

Depois que o papel já estiver seco, pegue o mesmo e amasse com bastante delicadeza, depois, desamasse de novo, também usando bastante sensibilidade, e passe mais uma vez o café sobre a folha. Caso julgue necessário, passe ainda mais uma demão de café, até que a coloração atinja a tonalidade esperada. Aguardando a secagem entre uma demão e outra.

Se preferir, você também pode fazer decoração do papel usando o café, traçando com o pincel alguns círculos e algumas flores. Outra dica é tentar rasgar as pontas do papel ainda passar mais café no lugar. O efeito é elegante, bonito e surpreendente.

Dicas: não tente passar o café em todas as folhas de uma só vez, faça isso folha por folha, e lembre-se, quanto mais o café for forte, com mais aparência de papel antigo ficará o artesanato. Utilize sempre um tecido grande caso queira envelhecer muitas folhas de papel, ponha as folhas já secas depois de estarem envelhecidas, embaixo de livros pesados, para que as folhas fiquem desamassadas.

Como Envelhecer o Papel Usando Pó De Café Usado

Material Que Será Usado:

  • Pó de café já coado
  • 01 isqueiro
  • Algumas folhas de sulfite

Passo a Passo

A primeira coisa a se fazer é coar o café e deixar que o pó repouse de dia para o outro  e aguarde a secagem do mesmo no próprio coador seja de pano ou de papel;

Depois do café já seco, sendo que úmido pode estragar o trabalho, tome o café com a mão e passe sobre a folha de papel e aguarde que seque bem.

Dica: Para poder escrever sobre a folha de papel já envelhecido, use sempre caneta preta, já que ficará semelhante a um pergaminho antigo.

Depois que escrever o que quiser, passe as bordas do papel na chama da vela, ou queime com o isqueiro. Se quiser, enrole e amarre a mesma usando uma cordinha. Você pode dá-lo como lembrança, ou usá-lo em convites para casamentos, festas, observe que além de criativo é bastante interessante e fácil de ser feito.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=BZwCUGVzLmA[/youtube]

Envelhecendo Papel Com Chá

Essa técnica pode ser usada para envelhecer gravuras e papel em geral.

Modo De Fazer:

Faça um chá bem forte, e bem concentrado, e, depois de frio, aplique sobre o papel usando um chumaço de algodão. O resultado da tonalidade de cor dependerá exclusivamente do quanto de chá foi usado e ainda do tipo de papel. Determinados papeis fazem a absorção do líquido bem mais que outros, com isso, o envelhecimento do papel pode ficar diferente de um para outro.

Envelhecimento De Papel Usando Betume

Outra forma bastante usada de envelhecimento de papel é feita através do uso de betume dissolvido em aguarrás. Depois que o papel já estiver seco, faça a impermeabilização do mesmo usando verniz fosco, desde que seja à base de água.

Envelhecendo o Papel Com Café Forte

Primeiro, amasse a folha de papel que pretende envelhecer. Lembre-se que o papel atual, aquele que usamos normalmente é mais resistente e duro que os antigos pergaminhos, e o ato de amassar o papel o torna macio e flexível. Desamasse e amasse o papel pode diversas vezes até que o mesmo se torne mais flexível e ainda que se formem algumas rachaduras pequenas.

Rasgue as quatro bordas do papel e faça as dobras iguais em todos os lados da folha, sendo as menores que conseguir fazer.

Depois de umedecida as linhas dobradas, rasgue-as, o que produzirá lados iguais, porém, sem a perfeição do papel moderno.

Passe a folha no café forte e agite para retirar todo o excesso do líquido. Aguarde até que o papel seque mais ou menos, e passe novamente pelo líquido, até que a cor atinja a tonalidade desejada. Para obter um visual de papel mais rústico, deixe que a folha seque de maneira reta. Para promover uma aparência de mais luxo e requinte, seque a folha usando o ferro de passar em uma temperatura mais baixa.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Tecido

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *