Artesanato com Porongo – Cuias Gauchas

Porongo, também conhecido como cabaça é um fruto da família da legenaria siceraria, e a planta é chamada de porongueiro ou cabaceiro.

O fruto depois de seco é utilizado em vários países do mundo como vasilhas para refeições, copos, cuias, moringas para transporte de água, cisternas, como instrumento musical e no artesanato.

No Rio Grande do Sul o porongo faz parte das tradições daquele povo e é amplamente utilizado na fabricação de cuias para chimarrão.

A Origem do Uso dos Porongos

Os porongos já eram utilizados no ano de 1580 pelos índios Guaranis quando estes receberam Manuel de Nóbrega e os Jesuítas. Foram os índios que ensinaram os jesuítas a tomarem um chá de folhas secas que tirava o cansaço e os excitava, e o chá era tomado em uma cuia, feita do fruto de uma planta em forma de oito. A parte menor dessa fruta era cortada e colocada para secar, então estava pronto o recipiente do chá, a cuia.

Porongo

Já tentaram fazer cuias de diversos materiais diferentes, mas nenhum deles se iguala ao porongo, pois a cuia de porongo não altera o gosto da erva e mantém a temperatura do chimarrão, sendo o velho porongo dos Guaranis o recipiente ideal para um bom chimarrão.

Plantio, Colheita e Beneficiamento do Porongo

O porongo é plantado nos meses de julho, agosto e setembro e em janeiro o porongo ja está começando a ficar maduro. Pode ser colhido nessa época ou então deixado amuderecer completamente no pé, até o mes de maio do ano seguinte, o que é mais indicado.

Depois de colhido o porongo deve ser cortado, sendo a parte de cima a usada para fazer a cuia, então coloca-se essa parte para secar em local com bastante corrente de ar.

Trabalhos

Quando estiver bem seco tira-se o bagaço do centro da cuia até chegar a parte firme. Então com uma lixa fica lixa a aba e o interior da cuia até que fique bem lisa. O acabamento deve ser feito com cera e polimento.

Curando a Cuia de Porongo

Existem diversos tipos de porongo, contudo para a cuia de chimarrão o porongo ideal é o porongo doce de casco grosso. Antes de usar a cuia para tomar chimarrão ela deve passar por um processo que faz com que os poros da cuia sejam fechados e elima as bactérias e fungos.

Para curar a cuia colocamos agua quente e 3 colheres de erva mate, que devem ficar por cerca de 24 horas. Sempre que a agua for absorvida deve ser completada. Depois deve retirar tudo e lavar bem a cuia em agua corrente e deixar secar em local ventilado por cerca de 24 horas.

Tipos

Então repete-se todo o processo por mais duas ou tres vezes, até que o porongo não absorva mais a água. Para curtir a cuia o processo leva em média de 12 a 15 dias, e deve ser feito com muito carinho, pois uma cuia bem curtida é um dos segredos de um bom chimarrão.

Um comentário

  1. romulo lopez benavides

    tudo muito interessante. Gostaria de saber aonde encontrar ou comprar sementes de cabaça pra poder plantar em casa. poderiam informar a respeito!!?? Ficarei muto agradecido. Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>